• 9 de setembro de 2022
  • 12 minutos

Financiamento cdc: o que é e como solicitar

12 minutos
financiamento-cdc

Com quase 29% das famílias brasileiras inadimplentes, uma solução que se popularizou foi o financiamento CDC, ou crédito direto ao consumidor. 

Os dados apresentados pela Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), da Confederação Nacional do Comércio (CNC), também mostraram que mais de 10% dos inadimplentes não tem condições financeiras para quitar suas dívidas. 

Por isso, um modo inteligente para fugir das altas taxas de juros dos débitos em aberto e regularizar a situação, seja solicitando uma linha de crédito, como o financiamento CDC. 

Mas, diante dessa possibilidade, surgem também outras dúvidas, como: 

  • Como essa modalidade realmente funciona? 
  • Quem pode oferecer crédito direto ao consumidor?
  • Qual a diferença entre leasing e CDC? 
  • Quais as principais vantagens e desvantagens dessa opção de crédito?

É imprescindível ter clareza sobre todos esses pontos antes de tomar qualquer decisão. Afinal, se escolhido no momento errado, com as condições erradas, o empréstimo pode se tornar outro alvo de inadimplência. 

Para que isso não aconteça com você, a equipe Ailos desenvolveu este artigo completo, com tudo o que você precisa saber sobre financiamento CDC antes de contratá-lo. Ao final da leitura, você será uma pessoa preparada para fazer uma escolha assertiva. Acompanhe! 

O que é o Crédito Direto ao Consumidor

O Crédito Direto ao Consumidor, também conhecido como CDC, é um tipo de financiamento oferecido direto ao cliente em lugares como varejo, bancos e coo. Com ele, é possível financiar produtos e pagar aos poucos, de modo parcelado. 

Para entender melhor, suponha que você esteja precisando comprar uma nova cafeteira. Você vai até uma loja de departamentos e verifica que o valor total dela é de R$ 1000,00, mas você não tem o dinheiro em mãos no momento para o pagamento à vista. 

Então, o vendedor oferece a opção do cadastro na loja, para que você consiga comprar no carnê e pagar a compra parcelada. 

O valor à prazo, então, não será mais R$1000, mas R$1250, correspondendo à taxa de juros. Você aceita, já que serão 10 parcelas de R$125, fáceis de pagar enquanto sua cafeteira já está em mãos. 

Isso é o CDC na prática! Pode ser visto em lojas, bancos e instituições financeiras no geral, viabilizando a aquisição de diferentes produtos e bens de consumo. 

Como funciona o Crédito Direto ao Consumidor

O Crédito Direto ao Consumidor funciona como um financiamento de crédito — um dinheiro disponibilizado por bancos, cooperativas e lojas de departamentos diretamente ao cliente, para comprar determinado bem durável. 

Até mesmo o funcionamento do cartão de crédito se enquadra como CDC — o cliente recebe um limite pré-aprovado para uso e pode comprar quaisquer tipos de produtos a prazo, parceladas. 

Outra opção é o limite oferecido pelas lojas para o pagamento parcelado em carnês e crediários, com um prazo para quitação do débito. 

Ainda, se tratando de empresas financeiras como bancos e cooperativas, é possível ter acesso ao dinheiro em espécie, ou seja, em mãos, para ser usado. 

Em todos os casos, é importante lembrar que o CPF do consumidor em questão passa por uma análise de crédito, a fim de verificar se é um “bom pagador”, ou se está com restrições de crédito. 

A verdade é que, apesar de existirem exceções, dificilmente um consumidor com “nome sujo” ou negativado conseguirá o CDC em lojas ou varejos — afinal, suas chances de inadimplência com a nova dívida são altas. 

Nestes casos, vale a pena consultar a possibilidade em bancos e instituições financeiras, a fim de verificar as condições oferecidas e a disponibilidade da quantia. 

Quem pode oferecer crédito direto ao consumidor?

Algumas instituições que podem oferecer o financiamento CDC, são:

  • lojas de departamento;
  • bancos tradicionais;
  • cooperativas de crédito;
  • e algumas financeiras.

Em todos os casos, é uma relação “ganha-ganha”, já que as empresas lucram com as taxas de juros aplicadas sobre a quantia financiada, e os consumidores podem adquirir itens que, à vista, não conseguiriam comprar. 

Outra beneficiada é a economia local, que é movimentada e estimulada — contribuindo para a economia nacional, como um todo. 

É interessante que, no caso das cooperativas de crédito, por exemplo, é possível conseguir financiamentos pessoais para os mais diversos objetivos — desde viagens, estudo, casa própria, troca de carro ou conquista de máquinas e equipamentos para sua empresa. 

Aqui no Sistema Ailos, por exemplo, você pode contar ainda com a modalidade de financiamento direto na Loja, com opções de crédito simples e sem burocracias para comprar o que você sempre sonhou. 

Funciona assim: 

  • basta se tornar um cooperado de uma das 13 cooperativas do Sistema Ailos;
  • ir até uma das lojas conveniadas, que você encontra no próprio site das cooperativas;
  • negociar o preço do objeto à vista com o fornecedor e solicitar o financiamento da compra pela cooperativa;
  • então, o valor de cada parcela mensal é debitado na sua conta corrente da cooperativa, na data que você escolher;
  • todo esse processo leva apenas alguns minutos e pode ser feito diretamente na loja, que é conveniada a este programa de cooperativismo Ailos. 

Viu como é simples? Essa é mais uma possibilidade de conquistar seus itens dos sonhos sem precisar pagar à vista! Você ainda conta com a facilidade de ter o débito automático direto em conta, de modo simples e automático. 

Qual a diferença entre financiamento e CDC?

Nenhuma! O Crédito Direto ao Consumidor é uma modalidade de financiamento. O que acontece é que, diferentemente de outros tipos, o CDC também pode ser conseguido por meio de lojas de departamento, para a compra de bens de consumo.

Ao mesmo tempo, também é possível obter quantias consideráveis para outros usos, como a compra de imóveis e veículos, por exemplo. 

O valor do crédito disponibilizado dependerá do perfil do interessado, sua reputação como pagador e das políticas e procedimentos da instituição em questão. 

Por isso, se você está pensando em comprar um terreno, um apartamento, um carro ou financiar uma quantia para pagar dívidas pendentes, vale considerar as condições de diversas instituições financeiras.

Neste aspecto, as cooperativas de crédito também são ótimas fontes de financiamento, já que costumam ter taxas de juros mais baixas, além de prazos de pagamento maiores a fim de beneficiar o cooperado. 

Diferença entre leasing e CDC

diferença-entre-financiamento-cdc-e-leasing

Caso você não saiba, leasing é a modalidade de crédito que funciona como um arrendamento — o cliente escolhe um bem e paga mensalidades pelo seu uso, tendo a opção de comprá-lo ou não ao final do contrato. 

O bem continua no nome da empresa responsável pelo leasing, não do cliente, já que o bem ainda não pertence a ele, apenas o direito de uso. Você pode utilizar essa modalidade para adquirir veículos ou outros bens de consumo.

Agora que você já entende o que é leasing, fica mais fácil notar suas diferenças se comparado ao CDC, como:

  • o bem adquirido fica sempre no nome do comprador;
  • o CDC tende a apresentar taxas de juros maiores;
  • o consumidor pode decidir quitar sua dívida a qualquer momento e pode ter uma redução da taxa de juros por isso;
  • os prazos e números de parcelas são mais flexíveis e personalizáveis que no leasing.     

Vantagens do Crédito Direto ao Consumidor

Uma das vantagens mais atrativas do Financiamento de Crédito Direto ao Consumidor é a facilidade de acesso e contratação, principalmente ao comprar bens em lojas de departamentos. 

Por ser uma opção vantajosa tanto para as lojas quanto para os consumidores, ele é amplamente difundido e oferecido aos clientes. 

Baixa burocracia

Além de ser muito famoso, o financiamento CDC não é nada burocrático, especialmente quando comparado a outras modalidades de crédito do mercado. 

A única etapa burocrática é a análise de crédito do CPF do interessado. Não é nem preciso dizer que ela é muito importante para a segurança da operação e identificação do perfil de crédito do cliente, não é? 

Afinal, sem este recurso, as taxas de inadimplência seriam ainda maiores, juntamente com as taxas de juros — se a empresa corre riscos, precisa compensá-los de outras formas. 

Por isso, vale a pena considerar a possibilidade de contratar um financiamento CDC, especialmente se você já tem um bom planejamento financeiro. 

Liberação rápida

Como se não bastasse ser simples de contratar, o financiamento CDC também apresenta liberação rápida do dinheiro. 

No caso das lojas, o dinheiro é liberado como crédito pré-aprovado para a realização de compras à prazo, no crediário. 

Em bancos, cooperativas e financeiras, porém, o dinheiro pode ser liberado em espécie, ou seja, em mãos, para o cliente usar como combinado, conforme o contrato assinado.

Condições especiais de pagamento

As condições de pagamento são altamente flexíveis, personalizáveis conforme cada caso e cada perfil de cliente. 

O valor solicitado também influencia muito na liberação do crédito — é natural que, quanto maior o valor do financiamento, maiores sejam os prazos de pagamento, com parcelas um pouco mais caras. 

Ao passo que, quanto menor o valor requisitado, menores as parcelas e os prazos para pagamento. 

Apesar disso, as taxas de juros são sempre menores que a de outras opções do mercado, como dos cartões de crédito e cheque especial. 

Desvantagens do CDC

vantagens-e-desvantagens-financiamento-cdc

Como nem tudo são flores, o CDC também apresenta algumas poucas desvantagens, que você também precisa entender e considerar antes de solicitá-lo. Elas se resumem ao valor da taxa de juros e ao congelamento do bem, como você pode ver abaixo. 

Taxa de juros

Considerar uma taxa de juros alta ou baixa depende do referencial escolhido — quando comparado aos juros do cheque especial, por exemplo, o CDC é muito mais vantajoso. 

Mas, quando comparado aos rendimentos da poupança, por exemplo, vemos que a taxa de juros é muito mais alta, inviável neste caso. 

Por isso, tudo depende de como você avalia e como utiliza seu dinheiro. Se costuma cair no erro de usar o cheque especial com frequência, saberá que o financiamento CDC é mais vantajoso e tem taxas de juros menores. 

Bem congelado

Outro ponto negativo é o congelamento do bem enquanto a dívida não é quitada. Afinal, como é um financiamento sem garantia externa, o próprio bem é usado para garantir o pagamento da dívida.

Assim, caso aconteça algum imprevisto sério e você não consiga terminar de pagar o financiamento CDC, a instituição financeira tomará o bem financiado de volta. 

Por isso, você não poderá vendê-lo ou transferir a posse para outra pessoa enquanto não terminar de pagar as parcelas do financiamento. 

O que o CDC não pode financiar?

O financiamento CDC não é universal, ou seja, nem tudo pode ser financiado por ele. Pode ser que um item que você tenha em mente, por exemplo, não atenda aos requisitos de compra com CDC. 

É por isso que vale a pena fazer uma breve pesquisa de mercado para se certificar de que tanto a instituição quanto o bem escolhido são compatíveis com o financiamento CDC. 

Caso você já seja um cooperado Ailos, pode consultar quais empresas e lojas são conveniadas à campanha “Financiamento direto na Loja”, e fazer uma busca rápida pelo produto no e-commerce ou loja virtual da marca. 

Essa simples possibilidade tornará toda a sua jornada de compra mais simples, rápida e desburocratizada. Fazemos tudo pensando no seu bem-estar!  

Como contratar o Crédito Direto ao Consumidor?

como-contratar-financiamento-cdc

Contratar o Crédito Direto ao Consumidor é muito simples — especialmente quando comparado a outras modalidades de crédito existentes no mercado. 

Basta seguir este passo a passo objetivo que desenvolvemos:

  • antes de qualquer coisa, identifique seus objetivos e necessidades: certifique-se se é realmente necessário comprar este item desejado, para não fazer dívidas desnecessárias;
  • identifique qual o valor médio de mercado do item e se planeje financeiramente: você já tem dívidas em aberto que precisam ser quitadas antes da nova aquisição? Será que um CDC de crédito para quitação dos débitos não é a melhor opção?
  • agora, faça uma pesquisa de mercado e identifique quais lojas, financeiras ou cooperativas oferecem as melhores taxas de juros e prazos de pagamento;
  • seu CPF será submetido a uma análise de crédito pela instituição escolhida, a fim de conferir se você é um bom pagador e quais são as chances de inadimplência;
  • agora é o momento de negociar! Caso identifique que os prazos ou taxas de juros estão altas demais, negocie;
  • você também pode escolher como o pagamento será feito, se em débito automático, por exemplo, ou pagamento de boleto bancário — e pronto! 

Dentre todas essas etapas, é imprescindível que você se planeje. Ainda mais importante do que pesquisar e conseguir as melhores taxas de juros do mercado é se planejar financeiramente antes de se comprometer com a dívida. 

Afinal, sua saúde financeira dependerá de quão comprometido você está em ser um bom pagador e o quão racionais e bem planejadas são suas dívidas. 

Nada de comprar por impulso! Sempre considere a real necessidade daquela compra e que diferença ela fará em sua vida. 

Pesquisar e estudar sobre educação financeira será o modo mais efetivo de estabelecer metas palpáveis a curto, médio e longo prazo, além de saber exatamente como alcançá-las e, de fato, conquistar seus objetivos. 

Em busca das melhores condições de empréstimos e financiamentos? Conheça as opções oferecidas pelo Sistema Ailos! 

Conclusão

Percebeu como o financiamento CDC pode ser uma opção viável em muitos casos? Especialmente quando você quer muito um item mas não pode comprá-lo à vista no momento — neste caso, o CDC em lojas será seu aliado! 

Neste artigo, você aprendeu a diferença entre leasing e CDC, as vantagens e desvantagens dessa modalidade e como contratá-la, de fato. 

Se você gosta de conteúdos como este, didáticos e objetivos, precisa conferir os outros já disponíveis aqui mesmo no Blog Ailos sobre cooperativismo, Economia Colaborativa, Educação Financeira e Empreendedorismo

Receba nossa newsletter

Inscreva-se

O Internet Explorer está sendo descontinuado.
Por favor, use outro navegador para acessar o blog. Veja alguns navegadores que você pode utilizar: